Perfeitamente imperfeitos

Talvez por sermos imperfeitos...
que a vida não possua regras que nos defina completamente.
Talvez por sermos em muitos dias a noite
e muitas noites o dia
e vez em quando tudo isso ao mesmo tempo, estamos fadados a inexatidão
nenhuma caixa te define
ora somos exatamente como nossos pais,
ora somos a transgressão de todas tradições que nos deram
Ai de nós que somos constantemente tão diferente de nós mesmos mesmos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Um passo de cada vez

Preta sim, mulata jamais

Aprender a comer aos 40