Estranho como é fria a tela do computador
mais que a folha de papel
a força da letra escrita
digerida, mastigada
transformada em sensações
que passam pelas mãos dos carteiros
Érica Alcântara
04.06.2012

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fragmentos

Das vidas vividas

Batizado e a superação do medo