Recomeço


Minha terra tem Ouro que mais Preto nunca vi.
De suas ladeiras íngremes e sua gente saudosa
Ouro Preto
Retorce em cores, cheiros e temperos... as lembranças que habitam em mim.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Preta sim, mulata jamais

Um passo de cada vez

Abandonado na UPA