Traduz - ação

Certos poemas traduzem o que sinto, mas não sou eu a dona de tais palavras.

E sem conhecimento, ou propriedade, do contexto vivido pelo autor, penso que, às vezes, a gente se divide em vários eus

E meus sentimentos andam por aí, ou falecem entre tantos rostos, entre tantos gestos, entre tantas bocas ... que algum dia... quem sabe... traduziram em palavras o que hoje sou, sinto.

"Estou Cansado

Estou cansado, é claro,
Porque, a certa altura, a gente tem que estar cansado.
De que estou cansado, não sei:
De nada me serviria sabê-lo,
Pois o cansaço fica na mesma.
A ferida dói como dói
E não em função da causa que a produziu.
Sim, estou cansado,
E um pouco sorridente
De o cansaço ser só isto —
Uma vontade de sono no corpo,
Um desejo de não pensar na alma,
E por cima de tudo uma transparência lúcida"

Álvaro de Campos

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Preta sim, mulata jamais

Um passo de cada vez

Abandonado na UPA