Fundação

Por entre paredes geladas, planejamento.
Moldar as cidades para um futuro melhor, planejar a esperança... o futuro toma forma em paredes dos século passado.
Sob meus pés um majestoso jogo de cores, a madeira do piso, recortada pela arte da marchetaria, forma com seus diversos pedaços semi arcos frente as janelas (parecem arcos de flechas), triângulos (que gerações passadas diziam ser símbolo de proteção), reúne bom gosto e simetria e nós...
sobre ele, atiramos ao vento, não flechas, mas palavras de boa ventura, de um futuro melhor para os netos de outrem.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Preta sim, mulata jamais

Um passo de cada vez

Abandonado na UPA