Postagens

Mostrando postagens de Agosto 9, 2018

Um passo de cada vez

Imagem
André, eu, Kátia e filha, Ana Caminhei 3,9km esta noite. Eu que vivo na escrivaninha entre uma reportagem e uma poesia. Fui. Horário marcado: 19h30. Saí do trabalho mais cedo! Workaholic saindo mais cedo? Não. Não dá, num vô. Me convenci: escreva uma história, seja parte dela, e a cada três meses conte como caminhar transforma uma vida. Certo! Larguei o computador. Fui em casa procurar malha e um tênis, aquele esquecido no fundo da sapateira. No auge dos 80 a malha não combina, o casaco pouco se ajusta e a cabeça começa a pensar: Está frio hoje, muito frio pra caminhar. André e Ana dão o suporte: "está frio, mas não choveu. Vem!". Passei no mercado, peguei uma fruta e lavei, logo depois da mulher de anel manchado de listras brancas e avermelhadas que sorrindo me disse: "olha a sujeira que a gente acumula no caminho", mostrou as mãos sob a água escorrendo uma espécie de lama das macaxeiras. Sorrio enquanto esfrego minhas uvas na água corrente e penso